Wikia

Ace Attorney Wiki

Phoenix Wright

Discussão0
34 pages em
Este wiki

Phoenix Wright nos jogos 1,2 e 3.

Phoenix Wright já foi advogado e agora é um jogador profissional de poker. Contribuiu para a implantação do Sistema de Júris no universo de Ace Attorney. Como advogado, foi muito conhecido por virar os casos de cabeça para baixo, quase sempre conseguindo provar a inocência de seus clientes.
Uma pessoa leal a seus amigos e que valoriza muito a amizade; também tem um lado um pouco sarcástico, mas que prefere guardar para si mesmo, sendo que suas "tiradas" ficam apenas em seus pensamentos. Sua carreira de advogado já o levou para as mais diversas situações e lugares, como, por exemplo um caso com investigação num circo e até mesmo defender um ator de TV.

Foto do perfil de Phoenix Wright.

Foto do perfil de Phoenix Wright com 21 anos.

Foto do perfil de Phoenix Wright em AJ, com 33 anos.

Dados Pessoais Editar

Profissão: Advogado de Defesa, Pianista e Jogador Profissional de Poker.
Episódio de Estréia: The First Turnabout.
Nome Japonês: 成歩 堂龍 一 Naruhodou Ryuuichi.
Nome Francês: Phoenix Wright.
Nome Espanhol: Phoenix Wright.
Nome Alemão: Phoenix Wright
Nome Italiano: Phoenix Wright
Nome Português: Fênix Veríssimo (Conforme versão original do game lançada para celulares java no Brasil).
Apelidos: Nick (Naruhodo-kun), Feenie (Ryu-chan).
Cor do Cabelo: Castanho escuro / preto
Cor dos Olhos: Castanhos.
Altura: 1,73 m.
Ano de Nascimento: 1993.
Idade durante a estréia: 24.
Família: Trucy Wright (Filha adotiva).

História Editar

Infância Editar

Phoenix é filho único. Na 4ª série, com 9 anos, estudava na mesma sala que Larry Butz e Miles Edgeworth. Um dia, Wright foi acusado de roubar o dinheiro do almoço de Edgeworth. Em consequência disso, houve um pequeno julgamento na classe, e como ele tinha um álibi que se encaixava na situação (havia sido dispensado da aula de educação física daquele dia, ficando sozinho na sala de aula), todos da classe, até mesmo a professora o declaram culpado, mas Miles o defendeu. Edgeworth disse que ninguém tinha provas contra Phoenix, e era verdade. Na época, Miles conhecia muito os sistema dos tribunais porque seu pai, Gregory Edgeworth era um advogado muito famoso.
Nisso, Larry Butz se entregou e disse ser o verdadeiro culpado, então Wright foi eximido de culpa.
Esse evento inspirou muito Phoenix a seguir a carreira de advogado, fazendo com que ninguém inocente tenha que sentir o peso de ser acusado falsamente, e ficar ao lado daqueles que não tem mais ninguém.

Phoenix na escola, com 9 anos.

Depois disso, Larry, Edgeworth e Phoenix ficaram amigos, mas após algum tempo Miles foi transferido depois do Incidente DL-6, mudando de escola e de cidade, pois foi adotado por Manfred von Karma.

Adolescência Editar

Phoenix quando estudava na Universidade Ivy.

Phoenix estudou artes e direito na Universidade Ivy. Durante esse tempo, ele leu um artigo no jornal que dizia que Miles Edgeworth era suspeito de manipular testemunhas e falsificar provas. Edgeworth tinha se tornado um promotor sério e mau-caráter, que fazia de tudo para conseguir o veredicto "Culpado", irreconhecível do Edgeworth que Phoenix havia conhecido na infância. Ele tentou contatá-lo mas fora ignorado. Deste então, Phoenix decidiu ser advogado, pois Edgeworth o encontraria de qualquer forma, nos tribunais e Phoenix teria a oportunidade ajudá-lo com seus problemas.
Enquanto estudava nessa universidade, no terceiro ano, conheceu Dahlia Hawthorne, com quem namorou por meio-ano. Mas ele foi acusado do assassinato de Doug Swallow (Turnabout Memories), um antigo namorado de Dahlia. A advogada de Phoenix, que nessa época estava com 21 anos, foi Mia Fey, uma iniciante que trabalhava no escritório de Marvin Grossberg. Seria o segundo julgamento dela, um ano após o primeiro que foi muito traumático (Turnabout Beginnings). Mia revelou que Dahlia era a verdadeira assassina, assim, Phoenix ficou muito decepcionado, pois Dahlia planejava mata-lo.
Alguns anos mais tarde, Dahlia foi condenada a morte e executada.
A defesa de Mia, fez que Phoenix desistisse da carreira artística e seguisse Direito como sua única profissão.

Carreira de Advogado Editar

Após receber o diploma, Phoenix se tornou aluno de Mia e membro da Fey & Co Law Offices. Seu primeiro caso foi de homicídio, contra Winston Payne, o "Matador de Novatos", e o acusado não era ninguém mais que o própio Larry Butz (The First Turnabout). Depois da morte de Mia (Turnabout Sisters), Phoenix ficou com escritório, que recebeu o nome de Wright & Co Law Offices.
Phoenix defendeu em 16 casos durante sua carreira, enfrentando os mais variados tipos de promotores, desde Payne, passando por Edgeworth, o famoso Manfred von Karma, sua filha, Fraziska von Karma, o misterioso Godot e outros, sendo que perdeu um (Farewell, My Turnabout) e outro ficou sem veredicto porque o acusado Zak Gramarye desapareceu durante o julgamento (Turnabout Succession).
Mais tarde, 2 meses após o caso Bridge to a Turnabout, Wright foi chamado pelo mágico Zak Gramarye, para ir até o Centro de Detenção jogar poker. Depois de ser derrotado, Zak pediu pra Phoenix defende-lo no caso do assassinato de seu mestre, Magnifi Gramarye. Receoso, ele aceitou, mesmo sabendo muito pouco sobre o caso. No dia do julgamento, Wright enfrentou o promotor novato Kavier Gavin sem querer, Phoenix apresentou uma prova falsa, era um plano de Kristoph Gavin, e perdeu seu distintivo de advogado, nunca mais podendo exercer essa carreira (Turnabout Succession).

Após a expulsão Editar

Phoenix no 4º jogo, depois da sua expulsão.

Duas semanas após o julgamento e desaparecimento de Zak, Phoenix adotou a filha dele, Trucy Wright. Ele e a nova filha abriram uma agência de talentos. Trucy era ilusionista, assim como seu pai e Phoenix tocava piano num bar, mas seu principal trabalho era jogar poker, e tornou-se uma lenda, por nunca perder por 7 anos. Phoenix fez amizade com Kristoph Gavin, e por sete anos, desconfiando dele, ele investigou o caso da prova falsa. Até que um dia ele conheceu Apollo Justice, um ex-aluno de Kristoph.
Apollo ajudou Phoenix a descobrir a verdade e prender Kristoph.

Curiosidades Editar

  • Seu nome "Phoenix" é uma referência a lendária Fênix, a ave que ressucitava das cinzas. Seu sobrenome "Wright" vem do seu sobrenome japonês "Naruhodou" que quer dizer "Não está certo?", sendo que "certo" em inglês é "right", parecido com Wright.
  • O número de seu distintivo de advogado é 23381.
  • Durante os casos, nunca fica claro exatamente onde Phoenix mora, no entando, sabe-se que é um apartamento.
  • Phoenix é filho único, não tem licença para dirigir e tem medo de tempestades (no Mangá).

Arte Oficial (Official Art) Editar

Rede da Wikia

Wiki Aleatória